Saudades


Saudades de você
Vontade de posse
Desejo de dormir…
Ah, como eu quero
Teu corpo nu
Dentro do meu.
Tua boca
Tua língua áspera
A me fazer carinhos
Em toda parte.

Mas você tá longe
Faço o quê?
Imagino-te
Ou durmo insegura?

Volta, cachorro grego!
Olha em volta:
O cio dos deuses
Está por vir…

Se não vem eu vou,
Só não sei pra onde…
Os lobos uivam e
Lobisomens rondam o meu quintal.

Se você não vem
Fatalmente eu vou…
Vou voltar pro nada
E de lá, gozarei sozinha
Com raiva de você.

Anúncios

5 comentários em “Saudades

  1. Adoro as fatais vaginas mastigadoras de músculos enrijecidos e machistas!Adorei o espaço novo e linkei lá no meu blog, OK? Mas e o “Blog da Dai”? Já sinto saudades de novidades por láBeijões…

  2. Como sempre perfeito, sacana e possessivo na medida certa! Quem no fundo não quer declarar seu desejo por um menino vadio… quem não pensa toda noite antes de dormir, que o cobertor não é a melhor coberta…. bjos

Sua opinião me interessa ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s