Salve Dom Gaspar!

Quem ainda não conhece este poeta, eu digo que precisa. Por necessidade óbvia de sorver qualidade literária na rede.

Esta é a terceira parte de um magnífico poema para e pelas mulheres.

                       ”

A sede nos pegou de surpresa,
A jarra com água, no balcão da cozinha,
Nos convidou a descermos
Pelas escadas, teus olhos invadiam os meus,
Agressivos e sedentos
Que parássemos o tempo,
E te domasse ali, degrau por degrau…
Tua pele toda
Transpirava musk,
E pousei um beijo em teu seio,
E outro, e outro,
Ajoelhavas ante meu corpo
E num aroma delirante em cio aberto,
Nos descobrimos, como namorados,
Em nossa palidez lasciva
Que as ramas da paixão nos entregaram!
Oh musa encantadora,
Senhora dos meus sonhos,
Bebas o néctar que guardei pra ti!
Levante destes teus anseios
Como humilde abelha
E hasteies tua bandeira
Em meu mastro,
e a tremular aos ventos,
irás, em tuas graças e curvas
aprisionar
para sempre esta tua outra metade
que te pertence agora!
Eu ainda preciso de um conselho,
Lembras?

Anúncios

Sua opinião me interessa ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s