Temporada de Exposição de Contos e Poesias Nely de Saquarema

AMOR

Eu morei na Zona Sul por toda a minha vida, no Flamengo, até me tornar o que chamavam undergroud e deixar meu pai louco da vida.

Como tínhamos casa em Saquarema – dessas lindas e grandes com piscina e casa de caseiro – para lá fui, prometendo ao meu velho que ‘tomaria jeito’. Afinal, eram anos noventa e eu, sinceramente gata pra caramba (tipo Chistiane Torloni, só que mais bonita) me estabeleci naquele bucólico lugar – Saquarema. Sempre ouvindo Eagles, Hotel California é a minha música.

Papai estava satisfeito comigo. Nely longe de tudo que pudesse envergonhá-lo: eu largar faculdade de Letras, e passar a namorar mais que chuchu na serra (no caso, no mar).

Estranhamente aceitei ser erradicada do meu Rio de janeiro, minha Copa sexy, meu Arpoador.

Passei a pegar onda e exibir meu corpinho de medidas perfeitas: aquela falsa magra carioca toda gostosa.

Papai feliz. Mamãe feliz.

Não fui eu quem quis, mas me apaixonei pelo Cimar, homem rústico e pescador das águas límpidas de Saquarema.

Era para deixar de fumar maconha, mas Cimar gostava.

Meu papai, ao nos visitar e abençoar a nossa relação, perguntou, como um general:

– Ele fuma?

Eu, com meu olhar eternamente enviesado e sarcástico, respondi:

_ Ele me ama, papai, essa fininha que ele enrola todas as manhãs…

FIM

Nely é moradora de Saquarema e tem uma das mais fortes personalidades que eu conheci, quando morei em Saquarema.

Anúncios

Sobre Day

As pessoas que consideram que a coisa mais importante da vida é o conhecimento lembram-me a borboleta que voa para a chama da vela, e, ao fazê-lo, queima-se e extingue a luz. (Tolstoi)
Esse post foi publicado em Contos. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Temporada de Exposição de Contos e Poesias Nely de Saquarema

  1. Daisy disse:

    Eu amo essa música tbém.

  2. Daisy disse:

    Marcello, vale a homenagem a essa garota! A vida dela é uma poesia. Até deu saudades de Saquarema. A Nely é uma figura, E, de fato, é muito bonita, mas nunca a vi se exaltando. Você convive com ela, o tempo todo conversando com sua alma. Linda pessoa. Eu deveria tentar fazer uma poesia para ela, isso sim. Mas… quem sou eu?

  3. Amo essa musica. Sobre o conto e bom, so q ta mais pra um diario que uma estoria. 😛

    abs

Sua opinião me interessa ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s