Reino Acabado

Ela estava cansada de ceder a todos. Ouvir seu nome adulterado prostituído, e mal afamado em toda parte.
Mas é melhor que ela mesma conte sua estória.

Meu nome era falado nos botecos, padarias, cemitérios, na casa do pobre. Na mansão dos ricos.

Um dia, eu resolvi ter com o chefe da empresa e fui direto ao assunto.

Disse:
_ Não quero mais trabalhar neste cargo.

O chefe me olhou e respondeu, com sua voz grossa e concentrada, enquanto roçava a mão na barba.
_ Não existe uma substituta. Eu a treinei. Eu a fiz nesta empresa.

Eu, com as faces rubras e quase irada, respondi, enfrentando-o pela primeira vez.
_ Eu virei uma espécie de religião. Em todo assunto sou citada para resolver as falhas dos outros. Peço demissão.

Meu chefe se levantou da cadeira confortável, acolchoada. Era difícil vê-lo perder o controle. Porém, neste dia, sua mão enorme socou a mesa.
_ Você não está pedindo demissão, mas querendo começar uma rebelião!

A partir daqui eu continuo.

A funcionária foi demitida por justa causa. A empresa não poderia se sustentar sem ela. Ficou tudo de pernas pro ar.

Hoje, aquilo lá é uma zona, balbúrdia. Todo mundo enfurecido, já não se acredita em nada. Aumento de salário, promoção. Em nada!

O Reino da Ilusão, hoje, vive triste porque o Rei adoeceu e não houve quem o curasse, afinal ela se fora. Estava apodrecendo nos porões do castelo. E, irresoluta, mantinha sua palavra. Não era prostituta. Presa, esqueceram-se dela.

E foi assim que o Reino da Ilusão ficou sem Esperança, a única funcionária que tinha credibilidade naquelas paragens.

Anúncios

Sua opinião me interessa ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s