Criando Com Medo de Perder – A Quimera Literária

Como já era de se esperar, nada de novo ou surpreendente aconteceu – até agora – no blog Duelo de Escritores. O tema da rodada, como já havia informado é pesadelo. Já chegaram três textos.

– O primeiro, da novata Elaine Rocha, cujo título (muito original) é Pesadelo, na verdade não preencheu nenhuma expectativa, entretanto, também não causou dissabores à leitura. Por ser iniciante, eu diria até que a jovem escritora saiu-se razoavelmente bem, narrando, em “tempo real”, as angústias de um sonho, daqueles onde a pessoa é perseguida por monstros de olhos vermelhos. Mesmo errando no tempo, que exagerou, uma vez que está comprovado que este tipo de sonho dura, no máximo, cinco minutos, creio que cumpriu a proposta do tema. Este sonho está no imaginário do chamado terror noturno. Está bem escrito, porém eu percebo que, a cada rodada, os escritores, por se verem obrigados a competir, deixam de lado sua alma poética e criadora. Tomara que Elaine Rocha acorde a tempo, e perceba que em literatura não se duela, mas se encanta e se é encantado com textos produzidos a partir de uma ideia própria, com paixão e amor.

– O segundo texto chama-se Ele quer você, do experiente escritor Vogan Carruna que, mesmo sendo experiente, caiu na ordinária tentação de escrever sobre perseguição e monstros de olhos vermelhos (hehehe). É o caminho mais fácil quando não se faz um estudo mais profundo sobre o tema, principalmente este, que carece de muitas pesquisas. O texto é longo, mas prende a atenção do leitor, conduzindo-o ao desfecho que, mesmo já sabendo qual é, ainda assim, considero um bom texto. Um pouco mais de pesquisa e o escritor poderia ter explorado mais o tema “psicose”, uma vez que sua personagem é, claramente, psicótica. Sem contar com a última frase do texto que, por demais coloquial, prejudicou a literariedade do mesmo. Podemos ver no trabalho de Carruna o mesmo anseio em competir, o que, certamente, diminuiu a qualidade da obra.

– E o terceiro texto é Pesadelo real, da escritora iniciante Natália Oliveira. Apesar dos erros ortográficos que podem “assassinar” um texto, com tantas ausências de vírgulas, pontos finais, ponto e vírgula, é um texto diferente dos outros, e ela chamou minha atenção pela originalidade, optando por uma narração real, um assalto seguido de estupro e, possivelmente, de morte. Só temo que esta estreante seja seduzida pelo glamour da disputa, consequentemente da vitória. Há muitas deficiências em seu texto, mas há garra e criatividade suficientes para derrubar os concorrentes até agora, uma vez que ainda não foi “contaminada” pelo monstro da disputa inquisitória que reina no bloguito literário, o Duelo das Quimeras.

Este post é para fazermos um alerta a respeito da mola criadora do escritor que não pode ser “obrigado” a escrever, a menos que seja para retorno financeiro, do contrário, o máximo que se consegue em tal “jogo literário” é receber feedbacks, nem sempre elegantes, nem sempre embasados, já que todos por lá são críticos despreparados, a exemplo dos “moderadores” Jefferson Luiz Maleski, e o proprietário do blog Fábio Ricardo. Nem um e nem outro têm formação acadêmica em Língua Portuguesa e Literatura.

No mais, estaremos aguardando os próximos textos. Ou pesadelos.

Inté!

Anúncios

6 comentários em “Criando Com Medo de Perder – A Quimera Literária

  1. Oi, Louis! Na verdade esses comentários são sobre textos no blog Duelo de Escritores, mas se você não se importar de postar por aqui, ok, até porque nem sei como andam as coisas por lá, porém se quiser fazer contato, entra lá e veja como são as regras para participar. Por mim tudo bem 😉 Beijos!

Sua opinião me interessa ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s