Arquivo da categoria: Crônicas

FINITUDE

O mais importante na vida é termos consciência de que nada merece nossa atenção em escala de cem porcento. Por mais que haja motivos e objetos necessitando de atenção, carinho e zelo, digo que não possuimos tempo para tantas tarefas; … Continuar lendo

Publicado em Aforismos, Ceticismo, Crônicas, Filosofia, Luz e escuridão | Marcado com , | 3 Comentários

SOMOS

Poucos sabem do que se fala quando o que se quer falar é assunto proibido; castrados são os porcos e não os homens. De nada me adiantam crenças carameladas com deuses que não saciam minha fome de viver feliz. Claro … Continuar lendo

Publicado em Ceticismo, Crônicas, Desencanto, Prosa | Deixe um comentário

METÁSTASE MORAL

O comportamento humano é viral. “Coisas” vão passando de geração em geração. Muitas vezes são boas, são benéficas à humanidade. Entretanto, as notícias são humilhantes para nós mesmos. O homem, hoje, vive uma fase derradeira de amoralidade, falta de castidade … Continuar lendo

Publicado em alô!, Crítica, Crônicas, Espiritual, Filosofia | Deixe um comentário

Tratado sobre o fim, ou o brilho eterno de uma mente sem lembrança

Quantos anos terei ainda na vida? Viverei até os cem? Ou terei dez anos a mais, ou menos que isso? Kurt Cobain aos 24 anos de idade, no auge de sua banda Nirvana, não pensava que dali a apenas três anos … Continuar lendo

Publicado em autores, Contos, Crônicas, Escritores | 2 Comentários

Copacabana Princesinha do Mar Desafiada

                                                           De costas para as proibições! Ótimo! Aliens no Duelo de Escritores. Quero ver, mui sinceramente, essa corja falsária anti-carioca escrever um texto sobre COPACABANA, e ainda por cima, proibida  de usar tudo que nós temos, ou seja, TODAS as … Continuar lendo

Publicado em Crônicas, faz-me rir..., Literatura, Técnicas de Escrita e Narrativa | Marcado com , | 2 Comentários

Cartas de Amor de Rua – Paulo Castro

Antes dela ter uma ideologia, a gente a fodia em troca de pinga e histórias em quadrinhos. Eu sempre acrescentava algo mais, tinha pena do menino, presenteava o pequeno com roupas, mas sempre estava um tanto atrasado em seu crescimento. … Continuar lendo

Publicado em autores, Crônicas, Escritores, Filosofia, Literatura | Marcado com , , | 10 Comentários

A Vida de Escritor é Boa e Não é Presente de Grego

Recentemente, a Arte, através de mim, foi aviltada, de forma um tanto dolorosa. Então, costurando pensamentos, nesta linda manhã sabadal, lembrei de um do escritor francês  Luc de Clapiers que diz que a solidão está para o espírito como a … Continuar lendo

Publicado em Crônicas, Escritores, Literatura | Marcado com | 1 Comentário

Confissões de uma desvairada

FOTO – HELMUT NEWTON Acordei sem saber por onde começar. Se pedindo perdão pela ausência, ou se confessando minha traição. Não sei bem qual seria sua reação, mas nosso amor sempre fora tão digno, maduro. Entretanto, há coisas na vida … Continuar lendo

Publicado em Crônicas | 4 Comentários

Tolices

Quando entra a madrugada e estou sentada, em frente a uma tela de computador, muitas vezes me pego pensando se sou louca, afinal, lá fora estão as pessoas, os animais, as ruas, restaurantes, bares, gente, muita gente! No entanto, estar … Continuar lendo

Publicado em Crônicas | 9 Comentários

Da mentira

Li um artigo de um amigo escritor, onde me deparei com um assunto inóspito – a mentira do homem moderno. Deu um aperto no peito e uma vontade de gritar. De fato, estamos todos mergulhados nas agruras da pós-modernidade, um … Continuar lendo

Publicado em Crônicas | 1 Comentário