Sonhos

COL522Homens-que-lavam-a-louca-tem-melhor-vida-sexual

Enquanto não superarmos
a ânsia do amor sem limites,
não podemos crescer
emocionalmente.

Enquanto não atravessarmos
a dor de nossa própria solidão,
continuaremos
a nos buscar em outras metades.
Para viver a dois, antes, é
necessário ser um.
Fernando Pessoa

Anúncios

Silêncio

Lá fora, as árvores escondem tantos segredos. Em cada segredo uma sabedoria. Sejam de andorinhas, ou qualquer ser vivo. Somos tolos e não sabemos ouvir.

E, ainda assim, eu ouço o silêncio da árvore. É fácil. Aperte o play lá dentro e espere os pássaros. Ouça o metrô, a música no vizinho. Ouça Fernando Pessoa.

 

Chove. Há silêncio…

 Chove. Há silêncio, porque a chuva

Não faz ruído senão com sossego.

Chove. O céu dorme.

Quando a alma é viúva

Do que não sabe, o sentimento é cego.
Chove. Meu ser (quem sou) renego…
Tão calma é a chuva que se solta no ar
(Nem parece de nuvens) que parece

Que não é chuva, mas um sussurrar
Que de si mesmo, ao sussurrar, se esquece.
Chove. Nada apetece…
Não paira vento, não há céu que eu sinta.

Chove longínqua e indistintamente,
Como uma coisa certa que nos minta,
Como um grande desejo que nos mente.
Chove. Nada em mim sente…

Fernando Pessoa